quarta-feira, 21 de junho de 2017

 Japan House

Av.Paulista, 52 - São Paulo - SP


O projeto da Japan House São Paulo foi assinado pelo arquiteto japonês Kengo Kuma, conhecido por suas obras com madeira. Logo na fachada, Kuma projetou um conjunto de ripas de O projeto da Japan House São Paulo foi assinado pelo arquiteto japonês Kengo Kuma, uma madeira japonesa muito usada pelos artesãos tradicionais do Japão.
Na lateral da entrada, o cobogó tipicamente brasileiro dá continuidade aos espaços vazados que permitem que a luz entre no salão, traçando um paralelo entre o Brasil e o Japão.

                                  O projeto  pelo arquiteto  Kengo Kuma



Japan House pelo mundo

Criada pelo Ministério das Relações Exteriores do Japão, a Japan House de São Paulo é a primeira unidade construída no mundo e já tem mais duas a caminho. A próxima casa a ser inaugurada será em Londres, na Inglaterra, e a previsão é que fique pronta ainda em 2017, com um projeto assinado pelo designer Masamichi Katayama.
Até o final de 2017 também deve ficar pronta a unidade de Los Angeles, nos Estados Unidos, cujo projeto foi assinado pelo artista Kohei Nawa.



Conhecer a arte, a gastronomia e a beleza daquilo que permeia o Japão contemporâneo, tudo num só lugar. Esta é a proposta do prédio localizado na  Avenida Paulista.
A Japan House pretende transmitir o espírito da hospitalidade japonesa, chamada de omotenashi, ao proporcionar um intercâmbio intelectual entre o Japão e o resto do mundo.
A ideia é que ali sejam promovidas atividades culturais que desvendam o Japão moderno com exposições, shows, workshops passando pelas artes tradicionais, experiências gastronômicas, encontros de negócios estudos acadêmicos e seminários temáticos.
Além disso, o espaço cultural ainda inclui um restaurante, o Junji Sakamoto, comandado pelo renomado chef Jun Sakamoto, uma cafeteria, Imi Café com quitutes orientais, lojas de produtos selecionados produzidos no Japão e uma biblioteca.